“Academia Dão Petiz” cria serviço educativo do mundo rural

Foi hoje lançado o projeto “Academia Dão Petiz”, um novo serviço educativo promovido pelas Escola Superior Agrária (ESAV) e Escola Superior de Educação de Viseu (ESEV), em parceria com o Município.
Este serviço educativo visa proporcionar às crianças entre os 6 e os 12 anos um programa ao longo do ano que permita um contacto direto e in loco com os ciclos da terra e os produtos identitários de Viseu cidade-região. O objetivo é desafiar os mais novos a pôr a “mão na massa” e na terra para descobrir o mundo rural, vestindo a pele de investigador, agricultor e repórter. No arranque do projeto “Academia Dão Petiz” o ciclo tratado será o da vinha, com 5 momentos/ações ao longo do ano. A primeira atividade é já a 25 de Março e diz respeito à fase “desenvolvimento vegetativo 1”, no qual o cacho começa a formar-se.
As atividades terão lugar em contexto real, nas Quintas parceiras da iniciativa, e os professores da ESAV e da ESEV acompanharão a sua realização, tendo alunos das Escolas como monitores dos grupos de crianças.
Para Almeida Henriques, Presidente da Câmara Municipal de Viseu, “este é um projeto credível e inovador de educação e empreendedorismo para o mundo rural, que promove a paixão pela terra e pela nossa identidade rural”.
No próximo ano, haverá novos ciclos da terra a explorar na “Academia Dão Petiz” como o do pão e da broa, do queijo e do linho.
As inscrições estão abertas no site oficial da iniciativa, em www.academiadaopetiz.pt.