“A natalidade é uma causa em Portugal?” é tema de conferência em Viseu esta sexta-feira

Eduardo Cabrita, Ministro-Adjunto, participa da abertura e Margarida Neto, especialista em Família e Natalidade, será oradora principal

“A natalidade é uma causa em Portugal?”. É esta a pergunta que serve de mote à segunda conferência pró-natalidade e de apoio às famílias numerosas de Portugal, organizada conjuntamente pelo Município de Viseu e pelo Correio da Manhã.

O evento terá lugar na Pousada de Viseu, esta sexta-feira, 18 de março, a partir das 10H30, contando com a participação do Ministro Adjunto, Eduardo Cabrita, na sessão de abertura, ao lado do Presidente da Câmara Municipal de Viseu, Almeida Henriques, e do Diretor do Correio da Manhã, Octávio Ribeiro.

Margarida Neto, especialista em Família e Natalidade, coautora do Relatório da Comissão para a Política da Natalidade em Portugal (2014) e antiga Coordenadora Nacional para os Assuntos da Família, será a oradora principal do evento, com uma comunicação às 14H30.

O evento tem por objetivo fazer uma nova análise sobre os números, as tendências e as políticas da natalidade em Portugal, da crise demográfica e das medidas de apoio às famílias com filhos e de combate à desertificação do Interior.

Na conferência haverá ainda lugar para um debate sobre boas práticas pró-natalidade nos municípios e nas empresas, que juntará Ana Cid Gonçalves, Secretária-Geral da Associação Portuguesa das Famílias Numerosas, Ângela Castanheira, da empresa GOUCAM, Gil Nadais, Presidente da Câmara Municipal de Águeda, e José Couto, Presidente da Confederação Empresarial do Centro.

O Município de Viseu aproveita este evento nacional para apresentar, durante o almoço, na Pousada de Viseu, o 1º site turístico de Viseu viseu.pt
Sábado, 19 de março, a agenda pró-natalidade prossegue com a “Gala Viva a Vida”, a partir das 16 horas, no Multiusos de Viseu. O evento que celebra a vida regressa a Viseu, numa tarde onde os bebés viseenses são os anfitriões e há música e animação para toda a família.