Consignada a obra de alargamento da EN16

Empreitada estará no terreno a partir da próxima semana e tem um investimento superior a 500 mil euros

A Câmara Municipal de Viseu consignou esta segunda-feira, dia 27 de janeiro, a empreitada de alargamento da Estrada Nacional 16, entre a rotunda junto à Rua 5 de Outubro, perto da Casa de Saúde São Mateus, e o limite do ICNF – Viseu.

A obra, orçada em 511 mil euros, ficará a cargo da empresa Irmãos Almeida Cabral, Lda, e tem um prazo de execução de 195 dias.

“Esta é uma via com muito tráfego e por isso faz todo o sentido esta intervenção. É daqueles projetos que ambicionava passar a fase de obra”, adiantou o Presidente da Câmara Municipal, António Almeida Henriques, na sessão de adjudicação da empreitada, que decorreu no Salão Nobre dos Paços do Concelho.

A intervenção prevê o alargamento da via para um perfil de 4 faixas de rodagem, com separador central (duas faixas em cada sentido), e uma rotunda. Serão também construídos passeios.

De acordo com o Presidente da Câmara Municipal, esta intervenção está entre as 3 definidas como prioritárias em matéria de mobilidade, juntando-se à criação de um novo acesso à Avenida da Europa, com o prolongamento da Avenida António José de Almeida – já em obra -, e à rotunda do Matadouro, que em breve será adjudicada.

“A mobilidade de Viseu ficará a ganhar com estas intervenções”, resumiu o autarca.

No âmbito desta empreitada serão ainda executadas as redes de abastecimento de água e de drenagem de águas residuais domésticas e pluviais; colocada sinalização rodoviária; criadas zonas verdes; substituída a iluminação pública existente, entre outras.